Última hora

Última hora

Pior acidente ferroviário dos últimos anos na Rússia

Em leitura:

Pior acidente ferroviário dos últimos anos na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Uma pesada factura humana. Pelo menos 26 mortos e quase cem feridos num dos piores acidentes dos últimos anos na Rússia.

Num hospital de São Petersburgo, os feridos recordam o pesadelo que viveram a bordo do Nevski Express. “Os passageiros que se sentiam melhor afastaram os destroços. Desde o início que percebemos que havia muitas pessoas gravemente feridas”, conta uma testemunha. Entretanto, os comboios de Moscovo para São Petersburgo voltaram a circular esta tarde, por vias alternativas. O ambiente nas estações de caminhos-de-ferro continuava tenso e a segurança foi reforçada, sobretudo depois de um alerta de bomba em Kievskaia, a principal estação de Moscovo. O nervosismo pairava no ar, mas os passageiros retomavam as viagens, depois de muitos atrasos. Um passageiro, ele próprio militar, reage: “Claro que é muito mau. Os nossos serviços especiais deviam trabalhar melhor, ainda que seja difícil prever coisas assim, acreditem.” Na estação de Leningradsky, na capital, o ministério das Emergências instalou um ecrã com a lista dos mortos e dos feridos. A polícia apertou também os controlos de segurança.