Última hora

Última hora

Rússia: Atentado na origem do descarrilamento de comboio

Em leitura:

Rússia: Atentado na origem do descarrilamento de comboio

Tamanho do texto Aa Aa

Foi a explosão de uma bomba que provocou o descarrilamento de um comboio, na Rússia. O engenho tinha uma potência equivalente a sete quilos de TNT.

Quem o diz é o chefe dos serviços secretos interiores russos, que o comunicou directamente a Dmitri Medvedev. O presidente convocou uma reunião de crise depois do acidente que causou 26 mortos e 96 feridos, de acordo com fontes governamentais. Ao início desta tarde foi encontrado um segundo artefacto explosivo, que rebentou, mas não deixou feridos. O ministro do Interior adiantou que já estão à procura de um suspeito. Antes, as autoridades tinham encontrado fragmentos de uma bomba junto à via-férrea e foi aberto um inquérito por terrorismo. O Nevski Express fazia a ligação entre Moscovo e São Petersburgo. O acidente ocorreu junto à cidade de Bologoye, a 350 quilómetros da capital, às 21h34 locais. O comboio transportava mais de 600 pessoas. 18 continuam desaparecidas. A catástrofe aconteceu numa das linhas mais frequentadas da Rússia e afectou toda a circulação ferroviária. Trata-se do segundo ataque em pouco mais de dois anos na mesma linha.