Última hora

Última hora

Ambientalistas manifestam-se por todo o mundo

Em leitura:

Ambientalistas manifestam-se por todo o mundo

Tamanho do texto Aa Aa

Em Espanha, o Museu Rainha Sofia em Madrid testemunhou o apelo de centenas de pessoas aos negociadores do COP15. Com as mãos pintadas de verde, os participantes mostraram o seu empenho da defesa de uma vida menos poluente. E uma montanha de sacos de plástico recordou o desperdício quotidiano a que nos habituámos.

Em Joanesburgo, na África do Sul, cerca de oitocentas pessoas presenciaram o funeral do planeta Terra. Foi desta forma simbólica que os ambientalistas sul-africanos decidiram recordar aos políticos, e em particular aos das nações desenvolvidas, o que está em jogo em Copenhaga. “Os países ricos têm que deixar de brincar com as vidas das pessoas. Nós vivemos as vidas deles tempo demais, temos morrido por eles. As emissões de gases têm que ser reduzidas. Justiça climática é o que lhes exigimos.” Na China, os tambores utilizados tradicionalmente para marcar o tempo ecoaram em Pequim. Uma iniciativa para lembrar aos decisores de todo o mundo que o tempo está a esgotar-se.