Última hora

Última hora

Esperança definha em Copenhaga

Em leitura:

Esperança definha em Copenhaga

Tamanho do texto Aa Aa

A pouco mais de 48 horas do fim da cimeira, uma sombra de incerteza apodera-se do Bella Centre.

Os chefes de estado e de governo que já chegaram a Copenhaga iniciaram os discurso, mas ninguém parece vislumbrar algum projecto de acordo final.

Neste tempos de incerteza em Copenhaga, o presidente da Venezuela tenta desvanecer o ambiente pesado com piadas.

“Dizem nas ruas que se o clima fosse um banco, já o teriam salvado!” – Uma expressão que Hugo Chavez leu num cartaz a caminho do Bella Centre e que, para muitos, encerra muita verdade.

Num tom mais formal, José Manuel Durão Barroso, presidente da Comissão Europeia, apelou a um maior contributo dos mais poluidores: “Respeitando totalmente as capacidades e responsabilidades dos nossos parceiros, apelo aos Estados Unidos e à China para contribuírem mais para o sucesso desta conferência.”