Última hora

Última hora

Macau/10 anos: Novo executivo quer diversificar actividade económica

Em leitura:

Macau/10 anos: Novo executivo quer diversificar actividade económica

Tamanho do texto Aa Aa

10 após o regresso de Macau à administração chinesa, o novo chefe de governo macaense quer diversificar a economia do território.

No discurso proferido na cerimónia de tomada de posse, que contou com a presença do presidente chinês Hu Jintao o novo chefe do executivo, Fernando Chui referiu que “nos próximos cinco anos, é preciso desenvolver uma diversificação apropriada da economia. Ao melhorarmos as regulações na indústria do jogo, vamos também melhorar as indústrias das exposições, de logística e cultural.”

Durante a cerimónia, o chefe de Estado chinês resumiu a presença portuguesa em Macau a “400 anos de vicissitudes” e prometeu que o governo central “vai dar todos os apoios ao desenvolvimento económico, à melhoria da vida popular, ao avanço democrático e à promoção da harmonia social de Macau.”

Com uma área total de 28,6 km², a Região Administrativa Especial de Macau é constituída pela Península de Macau, pelas ilhas da Taipa e de Coloane e pelo istmo de Cotai.

Este ano, a indústria do jogo macaense, a maior do mundo, deverá atingir um novo recorde de receitas. De acordo com os analistas, a fasquia deverá ultrapassar os 120 mil milhões de patacas, o que corresponde a quase 10,5 mil milhões de euros.