Última hora

Última hora

Libertação de Shalit divide governo israelita

Em leitura:

Libertação de Shalit divide governo israelita

Tamanho do texto Aa Aa

Israel multiplica-se em esforços para conseguir a libertação de Gilad Shalit. Depois da reunião em Jerusalém entre o mediador egípcio Omar Suleiman e o presidente israelita Shimon Peres, sete ministros do gabinete de segurança do executivo de Telavive reúnem-se esta segunda-feira, depois de já terem estado reunidos por duas vezes ontem.

No final destas duas reuniões os ministros não conseguiram reunir um consenso sobre um acordo de troca de prisioneiros palestinianos com o Hamas.

O pai do soldado israelita capturado há mais de três anos afirma que se chegou a um “ponto de não retorno” nas negociações. “O momento é decisivo, é uma bifurcação”, na qual é preciso escolher entre “a vida e a morte” de Shalit.

O sargento Gilad Shalit, de 23 anos, foi capturado no dia 25 de Junho de 2006 junto à Faixa de Gaza por um comando palestiniano pertencente ao Hamas, que controla a região.

As últimas imagens do soldado com vida datam de 14 de Setembro.