Última hora

Última hora

Filipinas de prevenção

Em leitura:

Filipinas de prevenção

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades filipinas impuseram um perímetro de segurança, isolando o vulcão Mayon que está em actividade.

Só o exército e o pessoal indispensável às operações de prevenção e socorro podem ultrapassar a linha de segurança, a 11 quilómetros do Mayon.

As populações residentes na zona foram deslocadas, para outros locais, mais seguros.

Uma moradora confessou o seu medo:

“Estamos assustados e nervosos. Não sabemos se isto pode explodir. Estamos em alerta de nivel 4”.

O nível 4 significa que pode estar iminente, uma erupção.

A quantidade de larvas mantém-se em níveis de perigosidade controlada, mas ninguém sabe se isto não será prenúncio de uma actividade mais intensa.

Por essa razão, já foram deslocadas cerca de 50 mil pessoas que, na sua maioria, vivem em situações de grave carência. Outras fontes falam em 100 mil.

Todos os meios servem, para se alcançar um porto seguro.

O vulcão situa-se a 500 quilómetros a sul de Manila, a capital