Última hora

Última hora

Stipe Mesic o fim de uma década como presidente da Croácia

Em leitura:

Stipe Mesic o fim de uma década como presidente da Croácia

Tamanho do texto Aa Aa

Stipe Mesic, que fez ontem setenta e cinco anos, esteve à frente dos destinos da Croácia desde 2000.

Uma das suas bandeiras foi promover a adesão da Croácia à União Europeia e à NATO. O país está já integrado na Aliança Atlântica. A entrada na UE poderá acontecer em 2011.

Na década de setenta esteve preso na sequência da participação naquela que ficou conhecida como a Primavera Croata, um movimento nacionalista que lutava pelos direitos daquele que é hoje um país da ex-jugoslávia.

Mesic venceu as presidenciais depois da morte de Franjo Tuđman, o primeiro presidente da Croácia.

Em 2002 a polémica instalou-se quando Mesic e Slobodan Milosevic trocaram acusações de destruição da antiga Jugoslávia no Tribunal de Haia.

Polémicas à parte, o presidente cessante foi muitas vezes votado como o político mais popular do seu país.

Talvez pelo seu carisma e serenidade venceu as primeiras eleições em que participou, derrotando na segunda volta o seu adversário com quase sessenta por cento dos votos. Em 2005 não conseguiu maioria absoluta na primeira volta, mas esteve perto.