Última hora

Última hora

Tailândia expulsa 4 mil hmong

Em leitura:

Tailândia expulsa 4 mil hmong

Tamanho do texto Aa Aa

A Tailândia já iniciou o processo de expulsão de 4 mil hmong para o Laos. A operação começou às 5h30 locais, devendo demorar 24 horas.

Etnia minoritária do sudeste asiático, estes hmong viviam num campo de refugiados no nordeste da Tailândia, em alguns casos há mais de 30 anos.

Conhecidos como os aliados esquecidos da América, muitos hmong apoiaram os Estados Unidos na Guerra do Vietname. Quando os comunistas assumiram o poder no Laos, começou o êxodo da etnia para a Tailândia.

Os hmong temem ser perseguidos, após a repatriação forçada.

“Cerca de 300 pessoas ainda recusam partir, mas estamos a tentar persuadi-las, de modo a não usar a força e a que o processo seja calmo”, explicou Thana Charuwat do exército tailandês, responsável pela operação.

Banguecoque considera estes hmong imigrantes ilegais, mas a comunidade internacional calcula que centenas deles podiam obter o estatuto de refugiados, que os devia proteger contra qualquer tentativa de expulsão.

Apesar dos apelos internacionais para suspender a operação, a Tailândia optou por cumprir o acordo assinado com o Laos, que prevê a repatriação forçada dos 4 mil hmong até quinta-feira.

O Governo tailandês garante que os direitos humanos não vão ser violados.