Última hora

Última hora

Shell processada por poluição ambiental na Nigéria

Em leitura:

Shell processada por poluição ambiental na Nigéria

Tamanho do texto Aa Aa

Primeira vitória simbólica contra a Shell. Um grupo ambientalista e quatro nigerianos conseguiram que um tribunal holandês julgue a companhia por vários casos de poluição ambiental.

Os queixosos tinham antes tentado recorrer à justiça na Nigéria, em vão. E o gigante petrolífero alegava que não cabia à Holanda tratar de um assunto nigeriano.

Mas um tribunal civil de Haia considerou poder fazê-lo uma vez que a Shell é uma companhia anglo-holandesa.

Um dos ambientalistas diz que se abre um precedente “porque agora o tribunal holandês admite que as actividades da Shell fora da Holanda podem ser responsabilizadas”, acrescentando que “isso é a maior vitória”.

Os queixosos alegam que as actividades da Shell prejudicaram a agricultura e a pesca, exigindo que a companhia os indemnize, limpe o petróleo derramado e garanta a manutenção dos oleodutos.

A primeira acção judicial começa na primavera e vai tratar dos derrames de 2005 em três aldeias situadas no delta do rio Níger, no Sul do país.

A Shell diz que os incidentes resultaram de actos de sabotagem.