Última hora

Última hora

Mundo prepara chegada de 2010

Em leitura:

Mundo prepara chegada de 2010

Tamanho do texto Aa Aa

2009 está a dar as últimas e espera-se que, até ao último minuto, não se lembre de mais nada.

Madrid prepara-se para receber com alegria, um 2010 que todos desejam, seja bem melhor que o precedente.

A festa, em estrita obediência à tradição, está marcada para as Puertas Del Sol, onde esta quarta-feira já houve ensaio geral. Especialmente, para saber se o relógio, à meia noite, não se esquece de enviar 2009 para o sítio onde ele merece estar.

No quilómetro zero de Espanha, onde tudo começa, vai haver champanhe e as 12 passas, ou uvas, um costume pagão, nascido dos excessos da oferta:

“Em 1917 ou 12, um ano de excedente de uvas, inventaram isto. que não é mais que um costume pagão”, recorda um madrileno.

Da exuberante Espanha, à circunspecta Viena de Áustria.

Aqui haverá bandas rock e sessões de karaock. Tudo bem cantado, para não assutar o Ano Novo e fazer-lhe perceber que pode ter 12 meses bem passados, entre as mais diversas tribos do planeta.

Amoletos variados, para garantir que o diabo não fique sempre atrás da porta. E muitos petiscos, obviamente, com carne de porco.

“O porco vende sempre bem, apesar da peste suína”, diz uma proprietária de restaurante.

Apesar de todas as pestes, Paris também capricha na recepção a 2010.

Alguma preocupação ecológica, com gastos reduzidos de energia, na grande festa dos Campos Elísios.

E claro, olhos postos na segurança, porque a noite pode não ser de brincadeira, para todos.

“É uma noite agitada, uma noite perigosa, uma noite em que há excesso em geral. Todos os anos é assim” – fala a experiência da dona de uma restaurante, no centro de Paris.

Pois que venha 2010. Se Vasco Santana fosse vivo diria: “Vai-te embora 2009 e quando lá chegares, manda saudades, que é coisa que cá não deixas”.