Última hora

Última hora

Estrangeiros detidos em manifestação no Irão

Em leitura:

Estrangeiros detidos em manifestação no Irão

Tamanho do texto Aa Aa

As forças de segurança iranianas detiveram vários estrangeiros durante as manifestações da oposição em Teerão, no passado dia 27 de Dezembro.

A declaração foi feita por Heidar Moslehi, ministro dos Serviços Secretos. O responsável não deu detalhes sobre a nacionalidade dos detidos, mas anunciou que alguns entraram no Irão dois dias antes da manifestação e que lhes foram confiscados máquinas fotográficas e câmaras.

Segundo a página de internet Rajanews, dois jornalistas, um sírio e outro inglês, foram detidos. Os meios de comunicação estrangeiros estão proibidos de cobrir os protestos da oposição.

A manifestação que aconteceu no Ashura, uma das datas mais importantes do calendário religioso chiita, resultou na morte de oito pessoas. Dos 500 manifestantes detidos, 300 continuam presos.

O governo acusa os estrangeiros de estarem a levar a cabo uma “guerra psicológica” contra o sistema.

Os protestos contra a reeleição de Mahmoud Ahmadinejad, que a oposição considera uma fraude, começaram em Junho do ano passado.