Última hora

Última hora

Vaga de frio paralisa Reino Unido e Europa Central

Em leitura:

Vaga de frio paralisa Reino Unido e Europa Central

Tamanho do texto Aa Aa

O Norte do Reino Unido encontra-se paralisado por uma vaga de frio que deverá agravar-se nos próximos dias.

Com as temperaturas a caírem esta noite até aos 15 graus negativos na Escócia, o Inverno mais rigoroso dos últimos 30 anos está a bloquear estradas, linhas de caminho de ferro e aeroportos.

No Norte de Inglaterra, caíram esta noite mais de 15 centímetros de neve, obrigando ao encerramento temporário dos aeroportos de Gatwick Manchester e Liverpool, que reabriram esta manhã com vários atrasos na maioria dos voos.

Dezenas de escolas encontram-se encerradas, nas estradas regista-se até agora um acidente mortal com um camião nos arredores de Manchester.

Os meteorologistas prevêm um agravamento da situação no final da semana, com os ventos frios provenientes da Sibéria.

Do outro lado do canal da Mancha o cenário é similar. As autoridades francesas declararam o alerta laranja em 18 departamentos, entre os quais a Normandia. Na Bretanha, onde o consumo de energia eléctrica disparou nos últimos dias, foi declarado o alerta vermelho face ao risco de sobrecarga na rede eléctrica.

Na Alemanha, as temperaturas batem também recordes. Dezanove graus negativos em algumas regiões. Em Berlim, as autoridades mobilizaram embarcações quebra-gelo para permitir a navegabilidade do rio Spree.

Mas a vaga de frio não parece incomodar alguns animais do jardim zoológico de Wroclaw, na Polónia.

Uma brisa refrescante para o tigre da Sibéria, o único que deverá festejar as previsões de mais frio para os próximos dias no centro e Norte da Europa.