Última hora

Última hora

Estudante nigeriano acusado de seis crimes

Em leitura:

Estudante nigeriano acusado de seis crimes

Tamanho do texto Aa Aa

Umar Farouk Abdulmutallab foi, formalmente, acusado pela justiça norte-americana de seis crimes pelo ataque falhado a um avião da Delta Airlines.

Tentativa de homicídio e uso de uma arma de destruição maciça são dois dos crimes pelos quais o nigeriano de 23 anos está indiciado.

O estudante de engenharia tentou fazer explodir o um Airbus 330 no dia de Natal. A bordo seguiam cerca de 300 pessoas.

Abdulmutallab garante que os explosivos foram fornecidos pela Al-Qaeda. O jovem estava já referenciado pelas autoridades norte-americanas.

Em Novembro, o pai do estudante comunicou à embaixada dos Estados Unidos na Nigéria os receios de que o filho se tivesse tornado num extremista.

O presidente norte-americano admite que os serviços secretos falharam na prevenção de um ataque terrorista.

Desde logo, porque sabiam que a Al-Qaeda na Península Arábica estava a planear um ataque contra os Estados Unidos e que alguém tinha sido escolhido. No entanto, sustenta, falharam no momento de juntar a informação.