Última hora

Última hora

Escândalo ameaça estabilidade política na Irlanda do Norte

Em leitura:

Escândalo ameaça estabilidade política na Irlanda do Norte

Tamanho do texto Aa Aa

Um escândalo pode obrigar o chefe do governo autónomo da Irlanda do Norte a demitir-se. Peter Robinson não denunciou um negócio ilícito da esposa, deputada em Westminster e no Parlamento de Belfast.

Iris Robinson angariou 55 mil euros para que um jovem de 19 anos pudesse abrir um restaurante. Mas o homem era seu amante e a deputada participou na comissão que lhe atribuiu a licença de exploração do café.

Peter Robinson quer limpar o seu nome. “Tenho de lidar com este assunto”, assumiu. “Não o posso evitar porque acredito que é necessário explicar ao público que não fiz nada de mal e que tudo o que fiz, fi-lo de forma correcta”, acrescentou o líder do maior partido unionista.

A esposa vai deixar o cargo de deputada esta semana. Se Peter Robinson decidir demitir-se, poderá ser o responsável de uma nova crise política na Irlanda do Norte, onde os protestantes unionistas e os católicos separatistas partilham o poder desde 2007.