Última hora

Última hora

Liberais britânicos defendem austeridade

Em leitura:

Liberais britânicos defendem austeridade

Liberais britânicos defendem austeridade
Tamanho do texto Aa Aa

Austeridade é a palavra de ordem dos liberais britânicos, na campanha para as legislativas. Nick Clegg, o líder do terceiro partido britânico, promete cortes nas despesas para reduzir o défice orçamental recorde de quase 200 mil milhões de euros: “Pomos as nossas cartas na mesa. O nosso programa será curto e vai directo ao assunto. Estamos a retirar tudo o que não é essencial, porque o país não pode dar-se a luxos. Só há duas áreas nas quais prevemos aumentos signiticativos: educação e infra-estruturas.”
 
Com 16% das intenções de voto, os liberais deixam pairar a dúvida sobre o eventual apoio a um governo minoritário, conservador ou trabalhista. Tudo indica que, com 42% das intenções de votos, os conservadores de Davod Cameron serão os vencedores das próximas legislativas, mas têm vindo a perder terreno e a maioria absoluta não está garantida.
 
As eleições ainda não têm data marcada, mas devem realizar-se antes de Junho. Gordon Brown, cujo partido, para já, não vai além dos 36% de intenções de voto, tem cinco meses para provar que “uma histórica quarta vitória consecutiva” ainda é possível. Para além de convencer o eleitorado, o primeiro-ministro tem também de fazer face a uma crescente oposição no próprio seio dos trabalhistas.