Última hora

Última hora

Senegal quer criar um novo país africano para acolher refugiados haitianos

Em leitura:

Senegal quer criar um novo país africano para acolher refugiados haitianos

Tamanho do texto Aa Aa

O Senegal propôs hoje a criação de um novo território em Àfrica para albergar os refugiados do terramoto no Haiti.

Num momento em que países como Estados Unidos, França, Brasil e Canadá querem impulsionar a reconstrução do país mais pobre do mundo, Dakar propõe como solução o regresso da população às raízes africanas.

O presidente senegalês ofereceu terreno e um tecto a todos os haitianos que queiram regressar à terra dos antepassados.

Entrevistado pela Euronews, Abdoulaye Wade, lembra o exemplo da Libéria, “um país criado para albergar os afro-americanos. Hoje a população está integrada com as populações africanas, porque são populações que descendem dos africanos que foram enviados contra a sua vontade para as Américas”.

“Por isso não é algo extraordinário, transplantar aqueles que queiram, construir um novo território em qualquer parte de África e que a comunidade internacional e a União Africana os ajude a criar uma cidade, ou mesmo porque não, um novo país”.