Última hora

Última hora

Rádio Televisão do Haiti resiste ao sismo

Em leitura:

Rádio Televisão do Haiti resiste ao sismo

Tamanho do texto Aa Aa

Foram poucos os edifícios no Haiti que resistiram ao sismo de magnitude 7.0 na escala de Richter.
A violência do abalo e o não cumprimento de normas de construção anti-sísmica deixaram o país praticamente destruído.

O edifício da Televisão Nacional haitiana (RTNH) continua em pé e é uma das poucas excepções como nos conta o director da estação, Pradel Henriquez:

“A televisão não foi destruída como todos os edifícios do país. Tenho a certeza que foi o sistema anti-sísmico que nos permitiu resistir.
Deixámos de emitir na noite do dia 12, para retomar a emissão no dia seguinte, recorrendo aos sinais das cadeias televisivas europeias, que usamos com frequência.

Todas as noites, a partir do 14 começámos a fazer um jornal especial, em directo, colocámos o estúdio frente ao tribunal porque era aí que tudo se passava e não no interior.

Hoje em dia, praticamente não utilizamos a sala de montagem para o de tratamento de imagens. O operador de câmara sabe que tem de sair e voltar com a montagem pronta para ser difundida. “