Última hora

Última hora

Pode ser o fim anunciado

Em leitura:

Pode ser o fim anunciado

Tamanho do texto Aa Aa

A General Motors confirma a intenção de fechar a fábrica da Opel, em Antuérpia, na Bélgica, este ano.

O futuro da unidade poderá estar nas mãos das entidades e dos governos europeus. O Governo Regional da Flandres reúne-se esta quinta-feira para debater a questão. São precisos quase 3 mil milhões de Euros para salvar a empresa.

De manhã sindicatos e trabalhadores estiveram reunidos em plenário mas a esperança começa a faltar.

Um trabalhador explica que os trabalhadores estão a reagir de forma apática. Acredita que a decisão estava tomada pela GM há muito tempo, mas que nunca lhe conseguiram dizer. Remata dizendo que sabiam que este dia havia de chegar, “é a vida.”

Entre 2005 e 2008 a General Motors perdeu mais de 60 mil milhões de Euros.

Para fazer face à crise a construtora americana planeia cortar mais de 8 mil empregos na Opel e na Vauxhall.

A fábrica de Antuérpia era considerada desde o início a mais ameaçada, mas estão em perigo milhares de empregos na Alemanha e, um menor número, em Espanha.

A confirmar-se o pior cenário é o fim de 85 anos de trabalho em Antuérpia e desemprego para os mais de dois mil trabalhadores.