Última hora

Última hora

Regresso às origens na 26a edição do festival de cinema Sundance

Em leitura:

Regresso às origens na 26a edição do festival de cinema Sundance

Tamanho do texto Aa Aa

Park City, na cidade norte-americana de Utah, assistiu ao início da 26a edição do festival de cinema Sundance. Uma das novidades deste ano é a nova equipa dirigente do festival criado há mais de um quarto de século pelo actor Robert Redford e a secção NEXT.

O novo director do festival, John Cooper, explica que “a NEXT é dedicada aos filmes com orçamento reduzido ou sem orçamento. Foi algo que criámos para chamar a atenção para a maneira de trabalhar dos realizadores que fazem produtos dedicados aos media. Veio directamente da comunidade de realizadores e de uma necessidade de os servir. Como disse o Bob, estamos aqui para servir a comunidade.”

Considerado como a Meca do cinema independente, o festival Sundance dura seis dias, durante os quais vão ser projectados mais de 100 filmes e documentários.

Este ano o certame teve três filmes de abertura. Um deles foi ‘Howl’, dos realizadores Rob Epstein e Jeffrey Friedman, com James Franco no papel principal.

O filme retrata não só o julgamento de Allen Ginsberg após a publicação, em 1956, do poema ‘Howl’, considerado obsceno e pornográfico, mas também toda a ‘geração beat’ da literatura norte-americana.