Última hora

Última hora

Haiti: Missa em honra dos mortos marca ténue regresso à normalidade

Em leitura:

Haiti: Missa em honra dos mortos marca ténue regresso à normalidade

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de haitianos concentraram-se nos seus mortos este sábado, depois de ter sido anunciado que a fase de buscas e salvamento foi suspensa.

Durante o dia, milhares de pessoas concentraram-se nas ruínas da Catedral de Notre Dame, na capital, para assistir a uma cerimónia religiosa.

A autoridades católicas haitianas decidiram celebrar uma missa em honra das vítimas mortais, que podem ser mais de duzentas mil. O arcebispo Joseph Serge Miot, muito popular no Haiti, está entre os mortos devido ao sismo do dia 12.

As organizações internacionais querem agora dedicar-se totalmente os sobreviventes. Estima-se que mais de três milhões de pessoas ficaram sem casa ou necessitam de ajuda médica urgente.

Apesar da ajuda humanitária estar longe de chegar a todos os necessitados, aos poucos, os haitianos vão recuperando os gestos diários.

Algumas cadeias de supermercado voltaram a abrir as portas, os bancos começaram a funcionar, as transferências bancárias do estrangeiro começam a chegar e há filas junto de caixas de multibanco.