Última hora

Última hora

Expectativas dos alemães em baixa

Em leitura:

Expectativas dos alemães em baixa

Tamanho do texto Aa Aa

O sentimento dos consumidores alemães deve degradar-se no próximo mês. O índice de expectativas para Fevereiro, calculado pelo instituto GfK, esteve a descer. Foi o quarto mês consecutivo em que este indicador registou uma perda. O valor é calculado com base em inquéritos a 2000 cidadãos.

“Dissemos, várias vezes, que o consumo seria fraco em 2010. Os consumidores sentem o efeito da recente crise económica. A principal razão é um esperado aumento no desemprego, o que cria sempre um impacto negativo no consumo”, diz
Rolf Bürkl, dirigente deste instituto.

A Alemanha está sob ameaça de um aumento nos números do desemprego, isto apesar da retoma. O país está a recuperar da pior crise do pós-guerra, com uma descida do PIB de 5%, no ano passado.

O índice GfK tem três componentes, dos quais apenas um esteve a subir em Janeiro – trata-se da propensão a comprar, o que pode ser explicado pelos saldos de Inverno.

Para estimular o consumo, o governo alemão aprovou um pacote de redução fiscal, no valor de 8,5 mil milhões de euros.