Última hora

Última hora

Conselho dos Direitos Humanos da ONU critica Irão

Em leitura:

Conselho dos Direitos Humanos da ONU critica Irão

Tamanho do texto Aa Aa

Teerão recebeu esta segunda-feira, em Genebra, fortes críticas dos países ocidentais. A comunidade internacional, e os manifestantes que se concentraram no exterior da sala, condenam a repressão aos protestos pacíficos dos últimos meses, bem como as execuções e outras violações dos direitos humanos.

O Irão não concorda com as acusações. O Secretário-Geral do Alto Conselho para os Direitos Humanos afirmou que a sociedade iraniana é um modelo bem-sucedido de irmandade e de uma coexistência amigável. Acrescentou que um dos princípios desta governação é conseguir alcançar e consolidar este tipo de relações.

Depois deste discurso foi a vez dos Estado Unidos lançaram acusações. O Secretário de Estado adjunto para a Democracia, Direitos Humanos e Trabalho afirmou que desde Junho milhões de iranianos tentam demonstrar a sua preocupação em relação à legitimidade do processo eleitoral de 2009, mas o governo respondeu com violência. Acrescentou que os Estados Unidos condenam fortemente os recentes incidentes e a opressão injusta contra cidadãos iraniano inocentes.

Quinta-feira forças de segurança iranianas e manifestantes envolveram-se, mais uma vez, em confrontos em Teerão, no dia em que se assinalava o 31.º aniversário da revolução islâmica. Na altura a oposição afirmou que os agentes dispararam tiros e gás lacrimogéneo.