Última hora

Última hora

Aluimento de terras semea o caos em Itália

Em leitura:

Aluimento de terras semea o caos em Itália

Tamanho do texto Aa Aa

Os habitantes de Maierato, no sul de Itália não ganharam para o susto. As fortes chuvas provocaram o aluimento de terras e pelo menos 200 pessoas foram obrigadas a abandonar as habitações.

Até ao momento não há registo de vítimas mortais

Um habitante afirma estar com medo porque, adianta, estava tudo a tremer.

Em Maierato, na região da Calábria, não há luz, água ou gás. Muitos perderam tudo o que tinham.

O mau tempo que se tem feito sentir já provocou mais de uma centena de pequenos aluimentos. Mas as fortes chuvas são, apenas, uma parte do problema. As construção clanestinas tornam este tipo de situações cada vez mais comuns. Em San Fratello, na Sicília, 2.000 pessoas tiveram de abandonar as habitações devido ao desabamento de terras.

As estradas estão intransitáveis e as fissuras comprometem a segurança dos edifícios.

Um habitante diz ter perdido 50 anos de trabalho, uma mulher teme perder a casa. Nas ruas amontoam-se os bens daqueles que tiveram mais sorte.

As autoridades transalpinas decretaram estado de emergência em San Fratello, uma localidade situada a cerca de 550 metros de altitude.