Última hora

Última hora

Turquia discute ao mais alto nível a alegada tentativa de golpe de Estado pelas Forças Armadas

Em leitura:

Turquia discute ao mais alto nível a alegada tentativa de golpe de Estado pelas Forças Armadas

Tamanho do texto Aa Aa

Na Turquia, o presidente e o primeiro-ministro discutem com as altas patentes do exército e da marinha a detenção de quarenta e nove oficiais turcos.

É o mais recente desenvolvimento no caso da alegada tentativa de golpe de Estado por membros das forças armadas.

Esta manhã, o chefe do Executivo, Tayyip Erdogan, e o chefe de Estado, Abdullah Gull, encontraram-se com o general Ilker Nasbug, em privado.

Na Turquia já lhe chamam o maior golpe judicial infligido contra as Forças Armadas turcas, o que também já fez aumentar o mal-estar entre o governo islamita moderado e os defensores de um Estado laico.

Também esta manhã, Ozden Ornek, antigo comandante da Marinha, e Ibrahim Firtina, ex-responsável de alta patente das Forças Armadas, foram levados perante um juiz para prestar declarações no âmbito do caso.

Para já, vinte oficiais estão detidos de forma preventiva. O alegado “complot”, baptizado “Mazo”, terá sido organizado em 2003.