Última hora

Última hora

Terrorismo

Em leitura:

Terrorismo

Tamanho do texto Aa Aa

Chama-se Mohamed Tahir al Kadri e decretou em Londres uma fatwa contra o terrorismo. O erudito sufista que vive no Reino Unido pretende com esta medida incitar os jovens muçulmanos a não seguirem o caminho da violência.

Personalidade extremamente conhecida pelas suas campanhas de promoção da paz e do diálogo entre religiões há 30 anos, al Kadri defende “uma total condenação de qualquer acto terrorista, independentemente da forma, de qualquer manifestação de radicalismo e terrorismo que possa ser cometida ou que tenha sido cometida nas últimas duas décadas, erradamente em nome do Islão.”

Al Kadri, que foi um dos primeiros líderes religiosos muçulmanos a condenar os atentados do 11 de Setembro, diz que a sua fatwa de 600 páginas vai mais longe no combate ao terrorismo, pois declara infiéis os terroristas e os kamikazes.

O Conselho Muçulmano da Grã-Bretanha, que reúne cerca de 500 organizações islâmicas já saudou a publicação do texto.