Última hora

Última hora

Grécia: Manifestação em Atenas marcada pela violência

Em leitura:

Grécia: Manifestação em Atenas marcada pela violência

Tamanho do texto Aa Aa

A violência tomou conta das ruas de Atenas e nem um líder sindical escapou à ira de jovens manifestantes.

O líder da principal confederação sindical grega, a GSEE, ficou ligeiramente ferido depois de ter sido atacado por um jovem quando discursava à frente do Parlamento. Yannis Panagopoulos proferia na altura um discurso contra as medidas de austeridade aprovadas pelo hemiciclo helénico.

O incidente acabou por assumir proporções ainda mais violentas quando os jovens começaram a queimar caixotes do lixo e a atirar todo o tipo de projécteis contra a polícia de choque.

As forças de segurança recorreram em seguida a granadas de gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes mais violentos. Uma pessoa foi detida.

A grande maioria dos manifestantes marchou pacificamente pelas ruas de Atenas. Milhares de pessoas participaram na marcha convocada pelos sindicatos que teve como ponto de convergência a Praça Syntagma, à frente do Parlamento.

Os transportes aéreos e terrestres, bem como o conjunto da actividade económica helénica foram fortemente perturbados. As medidas de austeridade aprovadas pelo Parlamento vão permitir poupar cerca de 4,9 mil milhões de euros e reduzir o défice público em quatro pontos percentuais para 8,7 por cento do PIB em 2010.