Última hora

Última hora

Referendo ameaça arrefecer as relações entre a Islândia e o Reino Unido

Em leitura:

Referendo ameaça arrefecer as relações entre a Islândia e o Reino Unido

Tamanho do texto Aa Aa

Uma nova vaga de frio ameaça perturbar a economia e a política islandesa.

O país vai votar hoje em referendo um polémico plano para reembolsar ao Reino Unido e à Holanda um empréstimo de quatro mil milhões de euros contraído após a crise bancária de 2008.

Segundo as sondagens, três quartos dos eleitores deverão rejeitar a proposta, pondo em causa tanto as futuras ajudas do FMI como a estabilidade do governo de centro-esquerda. que não exclui a hipótese de poder ainda cancelar a consulta popular.

Um analista político lembra que, “o plano que vai ser votado não é apoiado por ninguém, nem mesmo pelo governo que entretanto conseguiu negociar melhores condições de reembolso da dívida a Londres”.

O empréstimo foi contraído depois do Reino Unido e a Holanda terem indemnizado os clientes nacionais, após a falência do banco Icesave em 2008.

O plano votado hoje prevê o reembolso da dívida até 2024, a uma taxa de juro de 5,5% considerada excessiva pela maioria da população.

A rejeição do plano de reembolso arrisca-se também a comprometer as ambições islandesas de integrar a União Europeia, um passo essencial para recuperar da pior crise económica de sempre no país.