Última hora

Última hora

Escolas reabrem no Chile

Em leitura:

Escolas reabrem no Chile

Tamanho do texto Aa Aa

No Chile a vida começa a regressar à normalidade. Esta segunda-feira, quase dois milhões de crianças voltaram às escolas. O ano escolar no Chile recomeçou uma semana mais tarde por causa da tragédia que assolou o país. Nas zonas sinistradas muitos estabelecimentos não reabriram as portas.

A Ministra da Educação chilena mostrou-se satisfeita por ser possível que cerca de 80 por cento das crianças regressem à escola.

Nas regiões mais afectadas, como a cidade de Concepción as aulas só começarão entre 15 de Março e 5 de Abril, depois de concluída uma vistoria nos edifícios escolares.

Também esta segunda-feira a Presidente do Chile deslocou-se a uma das cidades afectadas pelo sismo.

Em Constitución Michelle Bachellet disse que sente uma grande dor pelo facto do seu povo ter perdido tudo aquilo que levou uma vida a construir, alguns perderam mesmo familiares. Acrescentou que a dor não a faz parar fá-la querer trabalhar com mais força para que, rapidamente, seja possível a recuperação.

Entretanto o presidente eleito do Chile, Sebastián Piñera, que assume o cargo quinta-feira, afirmou que manterá por tempo indeterminado os militares nas regiões afectadas pelo terramoto para que garantam a ordem pública.