Última hora

Última hora

Justiça francesa na rua contra reforma penal

Em leitura:

Justiça francesa na rua contra reforma penal

Tamanho do texto Aa Aa

“A justiça está em perigo” em França. Quem o diz são os profissionais do sector. Advogados, magistrados e agentes dos serviços judiciais e penitenciários manifestaram-se, esta terça-feira, em Paris, contra a reforma que visa agilizar o processo penal.

Queixam-se igualmente de falta de meios. “Há anos que o orçamento da justiça é insuficiente. Se compararmos, a França está ao mesmo nível da Moldávia, de países que não estão ao nível da França em termos de exigência de direitos do Homem. Por isso, consideramos que a Justiça não tem meios para trabalhar. O que se repercute nas nas condições de trabalho e na qualidade da justiça. Queremos, apenas, uma melhor justiça”, remata Chistophe Vivet, Secretário-geral do Sindicato francês de Magistrados.

Segundo a polícia, ao início da tarde, duas mil e trezentas pessoas tinham respondido à chamada das duas dezenas de sindicatos e associações profissionais, que organizaram também outras acções, como greves e adiamentos de audiências.