Última hora

Em leitura:

França: Greve nacional em vésperas de eleições regionais


França

França: Greve nacional em vésperas de eleições regionais

Foi uma jornada de greves e de manifestações em França, nas vésperas da primeira volta das eleições regionais.

Em Paris, centenas de trabalhadores manifestaram-se em frente do organismo público que gere os hospitais da região. Protestam contra uma reestruturação do grupo hospitalar, que prevê o corte de três a quatro mil postos de trabalho e o encerramento de vários centros.

Um grupo de manifestantes foi barrado pela polícia ao tentar invadir o edifício, onde dezenas de sindicalistas estão barricados desde esta quinta-feira. Alguns políticos da oposição, candidatos às eleições de domingo, estavam entre os manifestantes.

Também os professores querem dar uma lição ao governo. Hoje estão em greve contra o corte de 16 mil vagas na educação, contra a degradação das condições de trabalho e contra a reforma dos liceus.

Os pais uniram-se aos professores. Uma mãe sublinha que “o ensino público ficou sem nada” e que, se nada for feito ,“as pessoas que têm dinheiro pagarão pela educação dos filhos, quanto aos outros, paciência!”

Pais, alunos e professores desfilaram lado a lado em 26 manifestações em todo o país.

Os docentes também se manifestaram em Marselha. Mas nesta cidade é o protesto dos funcionários da recolha de lixo que chama a atenção. Há uma semana que o serviço está interrompido e a situação não vai melhorar nos próximos dias. Esta sexta-feira, os sindicatos anunciaram uma greve ilimitada em todo o país.

“Caminhamos entre o lixo, há ratazanas que atravessam as ruas. É uma boa reputação para Marselha”, ironiza uma habitante.

Os funcionários da recolha de lixo querem aceder mais cedo à reforma devido às difíceis condições de trabalho e reclamam a subida dos salários.

Para 23 de Março, está marcada nova jornada nacional de greves no sector público.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Paquistão: 45 mortos em dois atentados suicidas