Última hora

Última hora

Notícia fictícia sobre invasão russa semeia o pânico na Geórgia

Em leitura:

Notícia fictícia sobre invasão russa semeia o pânico na Geórgia

Tamanho do texto Aa Aa

A Geórgia em estado de choque, este Sábado, depois de um dos principais canais de televisão do país ter anunciado a invasão do país pelas tropas russas e o assassínio do presidente Mikhail Saakashvilli.

A notícia falsa, difundida pela televisão Imedi, pretendia apenas servir de introdução a um debate sobre as relações com a Rússia, simulando o cenário daquele que, “poderia ser o pior dia na história da Geórgia”.

Mas o impacto da informação provocou uma verdadeira vaga de pânico, com várias pessoas hospitalizadas e uma corrida aos bens de primeira necessidade.

Frente à sede da televisão centenas de pessoas protestaram contra a falsa reportagem. Um dos manifestantes afirmava: “quando a situação actual é de alta tensão é um acto criminoso fazer piadas sobre este assunto e o canal terá agora que responder frente aos tribunais”.

A notícia fictícia revela a tensão real entre Moscovo e Tbilisi desde o conflito armado de 2008 pelo controlo das duas regiões separatistas georgianas.

Na falsa reportagem, a televisão dava conta da criação de um governo popular chefiado pela oposição pró-russa, depois de, na realidade, alguns responsáveis das formações se terem reunido na semana passada com o primeiro-ministro Vladimir Putin, em Moscovo.