Última hora

Última hora

Oposição tailandesa regressa às ruas para exigir eleições antecipadas

Em leitura:

Oposição tailandesa regressa às ruas para exigir eleições antecipadas

Tamanho do texto Aa Aa

A Tailândia ameaçada por uma nova vaga de protestos contra o actual governo, apoiado pelos militares.

Dezenas de milhares de apoiantes do antigo primeiro-ministro deposto, Taksin Shinawatra, começaram a concentrar-se esta manhã em Banguecoque.

Os manifestantes exigem a convocação de eleições antecipadas, ameaçando prolongar o protesto durante semanas.

As autoridades encontram-se em alerta máximo. Quarenta mil mililtares foram mobilizados para a cidade, a título preventivo, face à possibilidade de um reacender da tensão entre os “camisas vermelhas”, apoiantes de Shinawatra e os “camisas amarelas”, apoiantes da actual aliança no poder entre militares, monárquicos e a elite urbana.

Em 2006 Shinawatra tinha sido derrubado por um golpe militar. Acusado de corrupção, o ex-chefe do governo foi obrigado a exilar-se para escapar a uma pena de dois anos de prisão.

As novas manifestações convocadas pela Frente Unida para a Democracia pretendem forçar o actual governo a convocar eleições antecipadas, que poderiam permitir o regresso de Shinawatra ao poder.