Última hora

Última hora

Socialistas ultrapassam conservadores nas regionais francesas

Em leitura:

Socialistas ultrapassam conservadores nas regionais francesas

Tamanho do texto Aa Aa

O partido de Nicolas Sarkozy foi relegado para o segundo lugar no espectro político francês, na primeira volta das regionais deste domingo.

Segundo os resultados definitivos os socialistas ultrapassaram os conservadores do UMP por três pontos, num sufrágio marcado por uma abstenção recorde – um em cada dois franceses não foi às urnas.

Para o primeiro ministro François Fillon, “o resultado final permanece em aberto, porque os eleitores não são propriedade de nenhum partido. No próximo domingo caberá a cada um dos franceses escolher uma equipa e um projecto para a sua região”.

O partido socialista de Martine Aubry lidera assim os resultados provisórios com 26% de votos e abre caminho para a criação de uma aliança de esquerda para a segunda volta, num ensaio geral para as presidenciais de 2012.

“A maioria dos franceses votaram à esquerda colocando os socialistas à cabeça neste sufrágio. Exprimiram o repúdio por uma França dividida, angustiada, enfraquecida, mas também a vontade de ver um país mais justo e mais forte”.

Com 12%, os verdes perdem terreno em relação às europeias, mas a aliança com os socialistas para a segunda volta poderá garantir a vitória da esquerda na região parisiense, ou na Alsácia, uma das únicas controladas pelos conservadores.

Com um resultado a rondar também os 11% a recuperação da extrema-direita é a grande surpresa do sufrágio.

O partido de Jean Marie Le Pen foi o segundo partido mais votado na região da Cote d’Azur, no Sul do país, um dos bastiões da formação.