Última hora

Última hora

Gregos sofrem na pele aumento dos impostos e congelamento de salários

Em leitura:

Gregos sofrem na pele aumento dos impostos e congelamento de salários

Tamanho do texto Aa Aa

Apesar de a maioria dos gregos entender que as medidas de austeridade económica são necessárias, ao sentirem na pele o aumento real dos preços, poucos são os que apresentam sorrisos.

Esta mulher, por exemplo, quer saber quais os termos dos acordos de empréstimo que vão ser dados à Grécia. “Será pior se obtivermos mais empréstimos por causa dos juros, A que juros? Como vamos pagar?”

O aumento dos impostos generalizado começou com o IVA. Tudo está mais caro no país. E com salários congelados, os gregos vêm-se numa situação muito complexa

“As condições de trabalho já são más. Temos de fazer noites e trabalhar nos feriados e fins-de-semana. Os patrões já nos devem muitos dias de folga, e agora esta política de cortar nos salários e benefícios…”

Há várias semanas que as greves se sucedem. Esta terça-feira os electricistas juntaram-se aos enfermeiros nas ruas de Atenas. Uma paralisação apoiada por cerca de 400 sindicatos.