Última hora

Última hora

Allawi lidera contagem de votos nas legislativas iraquianas

Em leitura:

Allawi lidera contagem de votos nas legislativas iraquianas

Tamanho do texto Aa Aa

Os resultados oficiais só são conhecidos no final de Março, mas pela primeira vez desde o início da contagem dos votos, no Iraque, Iyad Allawi vai à frente.

O antigo chefe do governo e a lista Bloco Iraquiano dispõem, para já, de uma vantagem de cerca de nove mil boletins.

Em termos parlamentares, Allawi conquistou, para já, o mesmo número de assentos – 87 – que o partido do primeiro-ministro cessante.

O xiita Nuri Al-Maliki baseou a campanha eleitoral nos esforços levados a cabo pelo governo para estabelecer a segurança no país e ganhou os votos das regiões de maioria xiita. Allawi, que também é xiita, invocou a laicidade e unidade do país para conquistar os eleitores das regiões sunitas.

Face à queda repentina, Maliki fala agora em corrupção. A comissão eleitoral conta desfazer todas as dúvidas dentro de pouco tempo.

“Precisamos de mais uns dias para divulgar os resultados finais das eleições. Vamos dar uma conferência de imprensa para anunciá-los, logo depois de uma reunião da Comissão Eleitoral para ratificar os resultados”, revela Qasim Al-Abudi, juíz da Comissão Eleitoral Independente.

Até agora, apenas 80 por cento dos votos das eleições do passado dia 7 foram contados.

Quer isto dizer que o futuro dos candidatos permanece em aberto.

Mas este empate no número de assentos entre as duas principais listas ameaça provocar longos meses de negociações e um consequente vazio de poder, tanto mais perigoso num altura em que as forças norte-americanas vão começar a abandonar o país.