Última hora

Última hora

Uzbequistão: Centenas de crianças contaminadas com vírus da SIDA

Em leitura:

Uzbequistão: Centenas de crianças contaminadas com vírus da SIDA

Tamanho do texto Aa Aa

Negligência médica pode estar na origem da contaminação de 150 crianças num hospital no Uzbequistão com o vírus da SIDA.

As autoridades locais detiveram várias pessoas e interrogam várias outras. O caso foi denunciado por uma organização não-governamental através deste documentário na página na internet ferghana.ru.

O caso remonta a 2007. Pelo menos 14 das mais de cem vítimas morreram.

O procurador regional uzbeque, Bakhtier Shodmonov afirmou: “Esta situação deve-se às disputas entre os médicos, enfermeiros chefes e ao facto destes não serem sérios no trabalho, não respeitarem as regras sanitárias e não tomarem medidas anti-epidemiológicas. Negligência.”

Para Danil Kislov, editor do sítio ferghana.ru: “Hoje em dia, os hospitais de Namangan, Andjizhan e de outras cidades no vale de Ferghana vivem a mesma situação. A negligência é total, assim como o desrespeito pelas regras clínicas.”

No documentário podem ver-se ainda os familiares das vítimas que acusam o hospital de não esterilizar seringas ou material intravenoso.

Entre os detidos estão médicos, enfermeiros e outro pessoal clínico. Para já, doze profissionais de saúde foram sentenciados a penas de prisão que vão dos cinco aos oito anos.