Última hora

Última hora

Renault-Nissan aliam-se à Daimler para reduzir custos

Em leitura:

Renault-Nissan aliam-se à Daimler para reduzir custos

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo automobilístico Renault-Nissan oficializou esta manhã um acordo com a alemã Daimler que estabelece uma aliança através da aquisição de três por cento de participações cruzadas entre as três construtoras.

A assinatura aconteceu em Bruxelas entre os presidentes do grupo Renault-Nissan e da Daimler – Carlos Ghosn e Dieter Zetsche.

A Renault e a Nissan cederam três por cento aos alemães e estes adquiriram um por cento e meio de cada empresa em troca.

Negócios complexos no mundo automóvel, já que a Renault, por sua vez, detém 44 por cento da Nissan e esta 15 por cento da construtora francesa.

Estas três empresas juntas venderam, no ano passado, mais de 7 milhões de veículos, aquém dos 8,6 milhões da aliança Volkswagen-Suzuki e quase oito milhões de unidades da Toyota, o primeiro construtor mundial do sector.

Esta aliança entre franco-japoneses e alemães permite aos grupos partilhar tecnologias e plataformas de produção de forma a reduzir os custos operacionais.