Última hora

Última hora

Zona Euro aprova ajuda à Grécia

Em leitura:

Zona Euro aprova ajuda à Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros da zona Euro aprovaram a ajuda de emergência à Grécia.

Em causa está um empréstimo de 30 mil milhões de euros a uma taxa de 5%.

Um preço abaixo do praticado actualmente pelos mercados que só emprestam dinheiro a Atenas a uma taxa de mais de 7%.

A Grécia agradece mas para já não vai activar o plano.

Este Domingo, o ministro grego das Finanças, George Papaconstantinou, anunciou que o país vai continuar a financiar-se nos mercados internacionais e sublinhou que o mais importante é o facto de os parceiros europeus reconhecerem “o esforço feito pelo governo e pelos cidadãos gregos, no primeiro trimestre do ano”.

A Grécia espera agora que a ajuda europeia posta à disposição do país ponha fim à especulação e ao cepticismo dos mercados.

Em Bruxelas, o presidente do Eurogrupo mostrou-se satisfeito pelas medidas tomadas pelo governo grego.

Jean Claude Junker sublinhou que a informação orçamental fornecida por Atenas “é encorajadora e indica que o esforço de consolidação feito pelo parlamento e pelo governo está a produzir efeito”.

Se somarmos os dez mil milhões do FMI, o plano da zona euro é a maior ajuda financeira multilateral posta à disposição de um país.