Última hora

Última hora

Portugal acusa mercados financeiros de atacarem economia nacional

Em leitura:

Portugal acusa mercados financeiros de atacarem economia nacional

Tamanho do texto Aa Aa

A bolsa portuguesa abriu hoje em queda de 5% num momento em que aumentam as dúvidas dos mercados sobre a capacidade do governo em superar a actual crise económica.

O ministro das Finanças reagiu ontem à situação, falando de “um ataque por parte dos mercados”, depois da agência de notação Standard & Poors ter revisto em baixa o rating da dívida portuguesa.

Segundo os analistas, a situação económica portuguesa aproxima-se da grega. Os juros da dívida já superaram o valor registado por Atenas no início da crise.

O primeiro-ministro José Sócrates reuniu-se hoje com o líder da oposição, Pedro Passos Coelho, para tentar coordenar uma estratégia comum face à crise.

Vários responsáveis europeus sublinhavam hoje as diferenças entre as situações grega e portuguesa.