Última hora

Última hora

Instabilidade na tailândia

Em leitura:

Instabilidade na tailândia

Tamanho do texto Aa Aa

Os “camisas vermelhas” tailandeses, decididos a fazer cair o governo, tentam agora pedir a ajuda da União Europeia para internacionalizar o conflito.

O porta-voz fez o apelo: “Os camisas vermelhas pedem o envio de observadores europeus para evitar que o governo abafe a contestação..”

A declaração, à porta de delegação da UE na Tailândia, foi feita depois de uma noite de confrontos que coroa um autêntico cerco de seis semanas à capital. Cerca de 20 pessoas ficaram feridas durante uma manifestação na auto-estrada, a 30 km de Banguequoque. Os manifestantes tentaram derrubar uma barragem da polícia e foram dispersos com tiros de balas de plástico.

Na confusão, um soldado foi morto por um camarada.

Os apoiantes do governo e da família real, os camisas amarelas, continuam a ameaçar passar â acção se o exército não intervir rapidamente para conter os terroristas.

As manifestações dos vermelhos e dos amarelos tendem a agravar-se.