Última hora

Última hora

Novos protestos na Grécia

Em leitura:

Novos protestos na Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de representantes das Forças Armadas gregas desfilaram esta segunda-feira em Atenas contra os cortes orçamentais.

Juntam-se aos restantes trabalhadores que iniciaram uma nova semana de protestos contra as medidas de austeridade do Governo e que terá o seu ponto forte com uma greve geral convocada para a próxima quarta-feira.

Um dos militares diz que, pelo seu país, pela sua nação, até compreende estes cortes. Mas acrescenta que se vão acabar com os bónus que recebe então também os benefícios dos parlamentares devem ser cortados em 50 por cento. Porque todos têm as mesmas bocas para alimentar.

O sector público entra em greve, de 48 horas, a partir desta terça-feira. O privado na quarta.

Os trabalhadores protestam contra o pacote de medidas, que inclui o corte dos salários e pensões e o aumento de impostos.

A braços com a pior crise de sempre a Grécia está a ser pressionada pela comunidade internacional para seguir um plano de austeridade. Esta é a contrapartida para o empréstimo de 110 mil milhões de Euros.