Última hora

Última hora

Suspeito do atentado falhado de Times Square diz ter agido só

Em leitura:

Suspeito do atentado falhado de Times Square diz ter agido só

Tamanho do texto Aa Aa

Foi a bordo de um avião da transportadora aérea Emirates que o suspeito do atentado falhado de Nova Iorque tentou embarcar para o Dubai.

“Ao princípio da noite, Faisal Shahzad foi detido, em relação com o atentado falhado de sábado, em Nova Iorque. Shahzad, cidadão amerciano, foi detido no aeroporto JFK de Nova Iorque quando tentava embarcar para o Dubai”, declarou Eric Holder, o procurador-geral dos Estados Unidos.

O suspeito é oficialmente acusado de ter conduzido o carro armadilhado até à Times Square. O homem, um paquistanês, de 30 anos, naturalizado norte-americano que comparece perante o Tribunal Federal de Manhattan, afirma ter “agido só” e não ter “nenhuma ligação com grupos extremistas” do Paquistão.

Uma hipótese que não é privilegiada pelas autoridades norte-americanas, que seguem a pista das “organizações terroristas no estrangeiro”.

O atentado falhado tinha sido reivindicado pelos talibãs paquistaneses, um movimento próximo da Al-Qaida. Uma reivindicação vista com cepticismo pelas autoridades norte-americanas mas que a CIA considera credível.

O Paquistão, onde o suspeito passou os últimos cinco meses, diz-se disposto a colaborar. O ministro do Interior do Paquistão afirmou ter sido “informado de que um cidadão paquistanês teria sido interceptado num aeroporto norte-americano.” Rahman Malik continuou: “Esperamos um pedido oficial. Se e quando esse pedido chegar, cooperaremos com o governo norte-americano.”

No sábado, um carro armadilhado foi detectado, na Times Square, por um vendedor que viu fumo a sair do veículo. O pior foi evitado, a zona da Broadway foi evacuada e a viatura removida para peritagens.