Última hora

Última hora

Peritos estimam em alta fuga de petróleo no Golfo do México

Em leitura:

Peritos estimam em alta fuga de petróleo no Golfo do México

Tamanho do texto Aa Aa

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos autorizou a mobilização de 17.500 elementos da Guarda Nacional para ajudar a combater a maré negra no Golfo do México.

O lençol de petróleo pode constituir a pior catástrofe ambiental do país. Peritos da indústria petrolífera acreditam que a fuga pode ultrapassar o equivalente a 40 mil barris de petróleo por dia, contra as estimativas actuais que indicam 5 mil barris diários, ou seja, cerca de 800 mil litros.

O lençol negro já tocou a terra no delta do Mississipi e ameaça o sistema ecológico e as indústrias da pesca e do turismo de quatro Estados, podendo chegar até à Florida.

A BP – proprietária da plataforma que explodiu no fim de Abril – está a terminar uma estrutura de 90 toneladas que deverá ser instalada a 1500 metros de profundidade sobre a principal das três fugas provocadas pelo acidente.

Um grande número de voluntários colaboram nos esforços de resgate de exemplares das mais de 400 espécies do Golfo do México, entre as quais a colónia de cerca de 3000 pelicanos, símbolo do Estado do Luisiana.