Última hora

Última hora

Tragédia grega desencadeia greve geral

Em leitura:

Tragédia grega desencadeia greve geral

Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia volta a paralisar esta quarta-feira. Depois do primeiro dia de greve no sector público que encerrou os aeroportos, cancelando todos os voos de entrada e saída do país, fechou escolas e hospitais, o privado junta-se ao protesto.

É mais uma greve geral, desta vez contra as medidas de austeridade que o governo vai ter que implementar.

Nas ruas de Atenas os manifestantes ocuparam a Acrópole protestando contra os cortes salariais e a subida de impostos anunciados esta semana. A situação no país é uma verdadeira tragédia grega.

O preço dos combustíveis já aumentou mais de 50 % desde o ano passado e o governo prepara-se para fazer também cortes nas pensões.

Ontem, centenas de reformados manifestaram-se nas ruas de Atenas contra as imposições da comunidade internacional para salvar a Grécia da bancarrota.

Segundo a imprensa alemã alguns analistas vêm como insuficiente para cobrir as necessidades financeiras do país, os 110 mil milhões de euros do plano de resgate.