Última hora

Última hora

Turquia: Referendo sobre reforma constitucional em vista

Em leitura:

Turquia: Referendo sobre reforma constitucional em vista

Tamanho do texto Aa Aa

O Parlamento turco votou, hoje, um pacote de emendas para reformar a Constituição. Apesar da maior parte dos deputados ter dito sim, o resultado final não chegou a uma maioria de dois terços para adoptar a reforma.

O pacote tem, agora, de ser submetido a referendo.

A oposição acusa o governo de querer mudar a Constituição para limitar os poderes da justiça e do exército. O executivo diz que é uma reforma necessária para aderir à União Europeia.

Nas ruas de Ancara, a população mostra-se céptica sobre a reforma. “Nada vai mudar porque eles [membros do AKP, partido no poder] querem vingar-se do passado. Está escrito nos jornais. O primeiro-ministro diz que vamos fazer parte da história, que a vamos escrever. Mas eles vão escrevê-la para eles próprios. Não se interessam pela Nação”, diz um residente de Ancara.

“Penso que o referendo vai ser renhido. Talvez as pessoas o aprovem, mas não acredito que isso seja garantido porque há muito descontentamento contra o pacote de reformas e contra a tensão que criou”, acrescenta outro cidadão, em Ancara.

A votação da reforma constitucional surge na sequência, nos últimos meses, de dezenas de detenções de militares, acusados de terem tentado derrubar o governo, em 2003.