Última hora

Última hora

Começa a desenhar-se o novo governo do Reino Unido

Em leitura:

Começa a desenhar-se o novo governo do Reino Unido

Tamanho do texto Aa Aa

Pela primeira vez desde 1945, o Reino Unido vai ter um governo de coligação. Discutido ao longo de cinco dias, o acordo entre conservadores e liberais democratas permite aos últimos cinco pastas governamentais.

A economia é a principal prioridade dos conservadores. Tories e ‘libdem’ acordaram um plano que visa acelerar significativamente a redução do défice, preferindo a baixa das despesas públicas ao aumento dos impostos.

A gerir a pasta das Finanças fica o conservador George Osborne, de 38 anos. Este é um dos poucos nomes da equipa governamental já conhecidos. O outro é o do ministro dos Negócios Estrangeiros. Uma pasta entregue ao também conservador William Hague. Aos 49 anos, Hague foi o homem que negociou a coligação com os liberais democratas.

Uma coligação que reúne 363 assentos parlamentares – mais 37 do que os 326 necessários à maioria absoluta – e que catapulta para o posto de vice-primeiro-ministro Nick Clegg. O líder dos liberais democratas impôs-se como uma figura incontornável ao ter levado o partido ao terceiro lugar, após as eleições.