Última hora

Última hora

Europa aperta as regras aos "hedge funds"

Em leitura:

Europa aperta as regras aos "hedge funds"

Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros das Finanças da zona euro reunidos em Bruxelas aprovaram a introdução de regras que forçam os fundos alternativos e de capital de risco a obedecer a regras de transparência e ao dever de informação.

O objectivo passa por acabar com um vazio na legislação e dispor de normas harmonizadas de vigilância e supervisão sobre os gestores dos fundos.

O acordo foi conseguido apesar das objecções dos britânicos que detêm 80 por cento do mercado europeu dos “hedge funds”. Um sector que movimenta anualmente um bilião de dólares.

Os fundos de alto risco são vistos na Europa como os responsáveis pelos ataques especulativos ao euro.

“Estamos perante seis importantes questões que vão reflectir as exigências de transparência, de responsabilização, de fiscalização e de prevenção com as quais nos comprometemos no Conselho Europeu, perante os cidadãos, e também, com o G20, pelo menos em três ocasiões”, afirmou o comissário europeu Michel Barnier.

A nova directiva visa garantir que todos os fundos que operam fora do sector tradicional regulado passem também a ser sujeitos a regulação.

Isso significa que terão de se registar nos países em que se instalam e serão obrigados a emitir informações aos reguladores e aos investidores sobre as suas posições de investimento.