Última hora

Última hora

Maré negra vence BP

Em leitura:

Maré negra vence BP

Tamanho do texto Aa Aa

Caiu por terra a última tentativa da BP para conter a fuga de petróleo no Golfo do México.

A empresa britânica prepara-se para dar início a uma nova operação, que pode começar dentro de quatro a cinco dias. No estado da Luisiana, o mais afectado pela maré negra reina a decepção. Só aqui 27 mil pessoas dependem da actividade pesqueira, entretanto, suspensa.

Um pescador diz que é desolador. Sempre viveu da pesca e o mar é a sua vida. E garante que ver morrer todos os dias tantas espécies animais é muito triste.

Uma norte-americana afirma não compreender porque não conseguiram conter a fuga de petróleo. A única explicação que encontra é que alguém tenha interesse em prolongar esta situação, mas insiste na necessidade de encontrar uma solução.

Na segunda visita ao estado da Luisiana, o presidente norte-americano garantiu que todos os esforços estão a ser feitos para conter a fuga. Mas os habitantes pedem mais

Um homem defende que é necessário recrutar pessoas de todos os cantos do mundo e investir mais dinheiro para resolver o problema.

Barack Obama já prometeu triplicar os efectivos deslocados para as regiões costeiras isto numa altura em que peritos asseguram que o petróleo está a espalhar-se a um ritmo de dois à três milhões de litros por dia, desde o naufrágio da plataforma da BP.