Última hora

Em leitura:

Hungria vai cortar nas despesas


economia

Hungria vai cortar nas despesas

A Hungria vai ter que reduzir as despesas em 1% ou 1,5% do PIB para entrar nos limites fixados pelo FMI e pela União Europeia, segundo o ministro das Finanças.

A Hungria pode ser o próximo centro das aternções na União Europeia, depois de na semana passada as obrigações do país terem sido alvo de uma venda em massa. O país está agora a tentar restaurar a credibilidade nos mercados mundiais.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

economia

Mathijs Bouman: "A UE é talvez uma comunidade de batoteiros"